sábado, 8 de novembro de 2014

Batalha OVNI de Nuremberg em 1561


Em 4 de abril de 1561, ao nascer do sol,  na cidade de Nuremberg, Alemanha, ocorreu um dos mais surpreendentes avistamentos OVNI já documentados. Uma guerra nos céus foi descrita com uma grande variedade de naves: em forma esférica, cruz e cilíndrica.

O mais impressionante é que na época cometas e corpos celestes eram bem identificados e mapeados, sendo altamente improvável um fenômeno celeste como uma chuva de meteoros, sugerida por alguns céticos.

Ao amanhecer centenas de cruzes, globos e tubos lutaram entre si sobre a cidade, terminando uma hora depois, quando “os globos de tamanho pequeno e grande voaram em direção ao sol”. Alguns objetos caíram e desapareceram sob uma nuvem espessa de fumaça.

Este evento foi vastamente documentado pelo jornal O Diário de Nuremberg, que descreve o seguinte evento: "aproximadamente 3 no comprimento, de tempos em tempos, quatro em uma praça, ainda há muito isolados, e entre essas bolas, se via vários cruzamentos com a cor do sangue. Então vi dois tubos de grandes dimensões, outros pequenos e grandes, foram três bolas, talvez quatro ou mais. Todos esses elementos começaram a lutar uns contra os outros." O autor do Diário ainda advertiu, "a vontade de Deus de forma alguma é que descartem estes sinais, mas levá-los ao coração como um aviso de seu Pai misericordioso no céu, vão consertar suas vidas e pedir a Deus com fidelidade, que ele afaste sua cólera , incluindo o castigo merecido sobre nós, para que possamos temporariamente aqui e perpetuamente lá viver como Seus filhos. ".

No mesmo ano, um clérigo luterano escreveu sobre os acontecimentos em Nuremberg: “Deus o Todo-Poderoso ... colocou nos céus muitos horríveis e até agora inéditos sinais ... Vimos sinais muito mais agora do que em qualquer outro ano. O sol e a lua foram escurecidos em várias ocasiões. Um crucifixo no céu foi visto, assim como os esquifes e caixões com os negros ao lado deles. Além disso, varas e chicotes e muitos outros sinais foram vistos em uma infinidade de lugares ... "

Como se não bastassem às descrições fantásticas, cinco anos depois, em 1566, um artista chamado Hans Glase desenhou uma xilogravura, demonstrando a grande repercussão do evento, que ficou gravado na memória das pessoas na época:
 
Um relato similar ocorreu somente cinco anos mais tarde em Basle, na Suíça.  Em 7 de agosto de 1566, pela manhã, muitos cidadãos daquela cidade, amedrontados, viram durante várias horas esferas negras envolvidas em um batalha aérea formidável.  O jornal da cidade relatou:
“Quando o sol nasceu, as pessoas viram muitos objetos negros grandes, os quais se moviam à alta velocidade no ar, em direção ao sol, então faziam meia volta, batendo uns contra os outros, como se estivessem em batalha; um grande número deles ficou vermelho e incendiado, logo após sendo consumidos e desaparecendo.”
Deve-se deixar claro aqui que as descrições e entalhos em madeira foram tentativas de artistas de quase quinhentos anos atrás, em descrever um evento que eles não podiam compreender.  Alguns apontam que os entalhos e as descrições dos eventos parecem muito como uma guerra moderna de aviões.  Os círculos negros no entalho parecem muito similares às explosões no céu fotografadas na Segunda Guerra Mundial.  Além disso, os veículos em forma de cruz parecem com o perfil dos caças da Segunda Guerra Mundial.  Assim, algumas pessoas lançaram a hipótese de que os eventos testemunhados foram na verdade batalhas da grande guerra, que de alguma forma foram projetadas por algum fenômeno temporal para o século XVI.
Nos tempos antigos eventos celestes eram visto como um sinal de Deus ou de deuses, o que explicaria estes desenhos em forma de cruz e suas descrições de caráter cristão. Reflita que na época não existiam balões, dirigíveis, aviões ou foguetes, e logicamente os espectadores comparariam este evento extraordinário com algo que já conheciam ou vivenciavam. Provavelmente se este evento acontecesse hoje descreveríamos de forma totalmente diferente.

Este tipo de evento também faz cair por terra o argumento de alguns céticos de que OVNIs e alienígenas são uma espécie de histeria coletiva dos tempos contemporâneos,alavancadas por Hollywood. Os eventos OVNI são mais antigos do que a civilização humana, e arrisco a dizer: do que a própria espécie humana!
Fonte: Ab Origine: